Fugitivos sem o ser


«Deixa a janela do sorriso aberta», Sara Tavares


Vamos fugir? A pão de forma já está a trabalhar lá fora, as mochilas estão em cima da cama à espera que peguem nelas e eu tenho uma vontade incontrolável de desaparecer daqui contigo. O mundo chama por nós. Os campos revestidos de serenidade, as águas límpidas onde podemos mergulhar e flutuar por horas; as camas de rede, a areia fina, as montanhas a pedirem para as escalarmos. Anda, vamos, não podemos perder tempo. Esta urgência de estar longe de tudo, tão perto de ti, cresce em mim há um par de dias, desde que me sussurraste ao ouvido, naquele jantar de amigos, «eu, tu e a lua, agora, do outro lado do mundo. Vamos?». Não te respondi. Sorri. Vamos! Era o que te devia ter respondido em vez de um sorriso que já conheces de cor. Mas vamos. Vamos agora. O que é que nos impede? És tudo aquilo que preciso para viver. Fugimos? Não respondas. Promete-me apenas que chegas ao fim do dia com esse abraço apertado e me envolves sem largar. Eu prometo que estendo a toalha na estrada e nos deitamos a olhar as estrelas e a imaginar o dia em que estaremos do outro lado do mundo. Sozinhos. Juntos. Para sempre.   

Vem comigo
Descobrir o brilho 
Das estrelas
Os ventos que sopram
Do outro lado do mundo
Nesse encanto desmedido
Tão diferente 
E tão distante
E tão perto 
Daquilo que somos.
Vem comigo 
Conquistar o mundo
Num abraço profundo
Deste amor que é nosso
Eternamente. 

You Might Also Like

23 comentários

  1. É inspirador este texto, dá vontade de "fugir" :)

    Santi

    ResponderEliminar
  2. Pão de forma! *.*
    Vai lá! Foge*

    P.s. Nomeei-te para a tag 11 perguntas*

    ResponderEliminar
  3. Desculpa, agora não posso ir contigo!
    antes tenho de responder ao teu poema
    diz-me depois qual era o brilho
    das estrelas no céu, vale sempre a pena.

    Sim, ler o que alguém tão bem escreveu,
    e sentir nele profundo afeto
    se verdadeiro dele nunca se esqueceu
    agora que já respondi, ir contigo eu quero!

    Bom domingo Andreia Morais,
    vai, não esperes por mim
    porque eu já não posso mais
    podar todas as flores do jardim!

    Um beijo.

    ResponderEliminar
  4. Lindo o texto, lendo o texto dar vontade de realmente de fugir sair pelas estradas e viver, Andreia beijos.
    Blog /Fan Page / Twitter /

    ResponderEliminar
  5. Lindo o texto, lendo ele dar vontade de fugir pelas estradas e viver a vida, Andreia beijos.
    Blog /Fan Page / Twitter /

    ResponderEliminar
  6. I adore this text! you are talented :)
    I also have a blog, can you take a look and tell me what you think?
    I really appreciate your opinion :)
    many thanks, sweetie!

    My CREEPERS
    superCHEAPCLOTHES

    xoxo Marta

    ResponderEliminar
  7. Quero tanto um pão de forma *.* e viajar e absorver toda a essência da paisagem.
    Adorei o texto está fantabulástico e tão inspirador.

    http://retromaggie.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  8. Já emalei e estou à espera.

    Partamos...já!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  9. R.: É uma complexidade de fatores para gerar equilíbrio.

    O pão de forma é aquela base. :)

    ResponderEliminar
  10. amante de viagens que sou, adorei este texto! :D

    ResponderEliminar
  11. Lindo.
    Que sortuda será a pessoa que te levar.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  12. Olá, boa noite!
    Passei para ver as novidades
    e agora deixo as minhas saudações poéticas!

    ResponderEliminar
  13. Sua amizade sempre foi muito importante para mim
    sem duvidas acredito ter lutado muito nesses anos
    embora poucos estavam comigo a quase dez anos atrás.
    Hoje estou passando para deixar um
    pouco do perfume que ficou no frasco.
    Embora tenha capacidade de entendimento,
    que passado é perfume de primaveras mortas.
    Agradeço por tua amizade tão especial,
    e por me fazer sentir que ainda sou
    alguém com quem você se importa.
    Deus te abençoe ..sempre..
    Um abraço grande ,
    e especial.
    Com muito carinho.
    Evanir.
    Tenha uma linda ,
    e abençoada semana..
    Eu amo vir a seu blog gosto imenso.
    Em 14 de Julho 2013..
    Hoje posso chamar de ano dourado..
    Estou matando saudades!!

    ResponderEliminar
  14. Adorei o texto ! És fantástica a descrever :) Levas-nos mesmo para '' lá ''.

    Beijinhos querida ;-)

    ResponderEliminar
  15. Se soubesses o quanto eu adorava ter uma pão de forma... Acho que foi o F' quem me passou esta paixão por essas meninas! Se me apanhasse com uma nas mãos dava a volta ao mundo com ela eheh

    ResponderEliminar
  16. Texto maravilhoso, como sempre Andreia.
    Sabes, adorava ter uma "pão de forma" :)

    ResponderEliminar
  17. Deve ser uma sensação única. Viajar numa pelo mundo fora :)

    ResponderEliminar
  18. Quem sabe se um dia a vida não nos dá esse prazer :)

    ResponderEliminar
  19. Gosto de pensar que ter pensamento positivo já é meio caminho andado :)

    ResponderEliminar